Boletim Mensal - Fevereiro 2020

BoletimMensal

Fevereiro 2020

Boletim Mensal

RESERVATÓRIOS

O mês de janeiro/20 apresentou volumes consistentes que contribuíram para a recuperação do solo e melhora das afluências para fevereiro/20.
A primeira quinzena de fevereiro/20 foi marcada por boas precipitações nas principais bacias do Sistema Elétrico Brasileiro, com exceção do Sul. O período úmido está caracterizado como um período de neutralidade, sem os fenômenos de El Niño e La Ninã, deste modo, as chuvas, com padrão típico de verão, beneficiam os principais reservatórios do submercado Sudeste/Centro-Oeste e as cabeceiras das principais bacias do Norte e Nordeste. Como pode ser observado pelo Gráfico 1, os volumes neste mês foram significativos, com aumento médio de reservatório de 0,5% ao dia.
A partir da última semana de fevereiro/20 é esperado que volumes consistentes continuem beneficiando as localidades citadas acima, e permaneçam até meados de abril/20. Contudo, o segundo semestre de 2020 ainda é incerto.

1

Trajetória Prevista de Armazenamento fevereiro/2020 a julho/2020 – Limite Inferior e Superior

2

Nível dos reservatórios por subsistema no dia 16/02/2020 e 17/02/2019

Carga

No Gráfico 3 é possível observar a projeção de carga para o ano de 2020, comparando-a aos últimos dois anos e com o que de fato foi realizado.
Janeiro/20 ficou marcado por temperaturas amenas na média, devido as frentes frias que alcançaram as principais capitais do Sudeste e do Centro-Oeste. Assim, a temperatura não foi um fator que pressionou a carga até o momento. Fevereiro/20 mantém a tendência amena, contudo, a perspectiva do operador é que a carga apresente subida até março. Este aumento é característico do verão e não deve pressionar os preços de curto prazo como ocorrido em 2019.
Em dezembro/2019 foi divulgado ao mercado a perspectiva de consumo de energia elétrica para os próximos cinco anos, observada no Gráfico 4. As alterações foram mínimas quando comparada a última revisão de carga e implica na manutenção da expectativa em relação ao crescimento do país nos próximos anos.
É importante monitorar a expectativa econômica para 2020, pois uma mudança significativa pode ter impacto relevante na projeção de consumo, especialmente na indústria.

3

Evolução do consumo de energia elétrica do SIN previsto para 2020. *Expectativa do Operador Nacional do Sistema.

4

Projeção de carga do Planejamento Anual da Operação 2020-2024.

Meteorologia

As chuvas de fevereiro/20 foram importantíssimas para o Sistema Elétrico Brasileiro, tanto para a elevação dos níveis dos reservatórios como para a melhora da condição hídrica do solo. As chuvas foram consistentes e bem distribuídas nas principais bacias do sistema, chegando à média histórica.
O padrão chuvoso continua consolidado e permanece bem localizado até março/20. As chuvas atingirão as principais bacias dos submercados Sudeste/Centro-Oeste, Norte e Nordeste.
O submercado Sul acaba sendo penalizado com as chuvas localizadas no Sudeste, pois a precipitação é concentrada nas Regiões Sudeste e Centro-Oeste, deixando de atingir as bacias da região. Deste modo, os reservatórios deste submercado não irão recuperar como os demais e a possibilidade de elevação nos preços em fevereiro/20 é alta.
O submercado Norte, além de ser beneficiado pelos volumes de chuvas na cabeceira da bacia de Tocantins, ele será impactado diretamente pela umidade da Amazônia, que consiste em precipitações constantes durante todo o período úmido.

5

Preços

O valor do PLD médio mensal de janeiro/20 foi 327,38 R$/MWh para os submercados Sudeste/Centro-Oeste e Sul. E para os submercados Norte e Nordeste o PLD médio mensal ficou 327,22 R$/MWh. O valor elevado de janeiro/20 é reflexo da recuperação tardia do solo, proporcionado pelo atraso do período úmido.
A perspectiva é que o PLD médio mensal de fevereiro/20 seja valorado entre R$ 150,00 e R$ 160,00 por MWh, para o submercado Sudeste/Centro-Oeste. Este intervalo dependerá, principalmente da qualidade das chuvas nos próximos dias. Vale destacar que com o volume de chuva realizado na Região Sul para fevereiro/20, é esperado que o preço deste submercado suba perante os demais.
Vale ressaltar que os preços de janeiro/20 apresentaram forte oscilação intersemanal, o que não é típico. Isso se dá por uma combinação de fatores com destaque para: (i) oscilações dos modelos de projeções de chuva e vazão (ii) mudanças regulatórias que afetaram os modelos computacionais que formam o preço de curto prazo (PLD) e (iii) baixos níveis de reservatório para o período.

6

Evolução PLD semanal e previsão de fechamento para fevereiro/2020

7

Histórico PLD 2017, PLD 2018, PLD 2019 e trajetória de preços de 2020

Perspectivas De médio prazo

Verão

Período úmido típico com expectativa de boas precipitações. Até o momento sem indicativo de bloqueios atmosféricos que impeçam de forma
relevante o deslocamento de frentes frias pelo território brasileiro.

Situação hídrica do Nordeste

Bom indicativo de chuvas até março,
o que deve ser fundamental para recuperação região. Três Marias, o principal reservatório para controle das afluências durante o período seco, apresenta bons níveis de enchimento e a perspectiva é que alcance seu valor máximo até o final do período úmido.

Carga

A expectativa é que a temperatura se mantenha amena durante o período úmido, dada a perspectiva de haver deslocamentos constantes de frentes frias e, com isso, redução do uso de aparelhos refrigeradores.